Famalicão: Crianças da Gerações reinventam as tintas da Pré – História

As crianças da Associação Gerações fizeram tintas artesanais, reproduzindo as usadas na Pré-História, Egipto Antigo e Mesopotâmia. O objetivo passou pela sensibilização e preservação do meio ambiente, uma vez que as tintas habituais usam produtos químicos e são altamente poluentes.

Para conseguirem cores, as crianças usaram canela, gengibre, açafrão, algas, argilas e açaí (fruto).

O repto foi lançado pela animadora cultural da Associação Gerações, Maria Clara Almeida. Teve a adesão de todos, a começar pelas crianças, que demonstraram um enorme entusiasmo.

Com este projeto, a Associação Gerações visa, para além da economia que tal opção permite, envolver as crianças na procura de soluções mais sustentáveis e amigas do ambiente. A mensagem foi transmitida aos pais e às famílias, no sentido do seu envolvimento em projetos ambientais limpos.

Estas pinturas com tintas artesanais permitem também uma abordagem histórica, sobretudo às civilizações da Pré – História, com o fascínio que os dinossauros continuam a exercer sobre as crianças, à Suméria (Mesopotâmia) e ao Egito Antigo (vale do Rio Nilo), facultando-lhes um conjunto simples de conhecimentos que lhes vão permitir uma melhor compreensão da vida dos homens na Terra.