Famalicão: Bolsas de estudo no valor de 222 mil euros aprovadas por unanimidade

A proposta para atribuição de bolsas de estudo a alunos do ensino superior, ano letivo de 2020/21, foi aprovada por unanimidade na reunião do executivo municipal de Famalicão que está a decorrer na manhã desta quinta-feira.

Coube à vereadora da Juventude, Sofia Fernandes, apresentar a proposta que dá conta de 364 candidatos admitidos para um valor total de 222.150.00 euros.

Destas três centenas e meia de estudantes, 202 recebem uma bolsa anual de 500 euros; 67 uma bolsa de 600 euros; 3 estudantes auferem 700 euros; 45 alunos ficam no patamar dos 750 euros anuais; 19 atingem os 850 euros; 1 consegue 950 euros; os mil euros são destinados a 17 alunos; o patamar máximo, 1100 euros, é auferido por 10 bolseiros.