Famalicão: Alunos do Agrupamento de Escolas de Ribeirão dão a conhecer projeto empreendedor

Os alunos da turma A do sétimo ano do Agrupamento de Escolas de Ribeirão apresentaram o protótipo tridimensional da lancheira escolar pick me, na última terça-feira, dia 1 de junho. A lancheira apresenta-se como uma ferramenta no combate ao desperdício alimentar e na promoção da saúde através da alimentação saudável nas escolas. A sessão de apresentação contou com a presença dos vereadores da Educação, Leonel Rocha, e da Economia, Empreendedorismo e Inovação, Augusto Lima.

A lancheira escolar surge como um polímero biodegradável que potencia a alteração de comportamentos e atitudes, tendo impacto na sustentabilidade ambiental, alimentação e saúde. O projeto surgiu da convergência entre a Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania, a Flexibilidade Curricular e o Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória. Além disso, teve como parceiros a Escola Profissional FORAVE, o Famalicão MADE IN, a Continental, a injex, a Resinort e a Vieira, a Lourofood, a Meia Dúzia e a Quinta das Pirâmides.

A FORAVE cedeu aos alunos conhecimentos na área dos polímetros e competências no domínio do desenho técnico e dos softwares AutoCad e Solidworks, ajudando-os a materializar a lancheira. Enquanto que o Famalicão MADE IN aproximou os estudantes da indústria alimentar, nutricionistas da Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto concretizaram um guia de lanches escolares com produtos alimentares famalicenses.

Os professores responsáveis pelo projeto destacaram a importância destas iniciativas para o desenvolvimento de aprendizagens e competências e para estimular e fortalecer o sentido de identidade e pertença territorial. «O futuro do planeta, em termos sociais e ambientais, depende da formação de cidadãs/ãos com competências e valores não apenas para compreender o mundo que os rodeia, mas também para procurar soluções que contribuam para nos colocar na rota de um desenvolvimento sustentável e inclusivo», explicaram os alunos no fim da sessão da apresentação.

Apresentada a lancheira, os alunos e os seus professores esperam encontrar soluções viáveis para a industrializar.