Está a terminar o prazo para a apresentação da nova imagem para Famalicão

Faltam dez dias para terminar o prazo para a apresentação de propostas da nova imagem visual de Vila Nova de Famalicão. Os designers e profissionais da imagem têm até 29 de junho para apresentarem os seus trabalhos e habilitarem-se a serem os autores da futura imagem identitária do território famalicense.

Recorde-se que a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, através da abertura de concurso público para a conceção da identidade gráfica de Vila Nova de Famalicão, publicado a 30 de abril, em Diário da República, lançou o desafio aos profissionais da imagem em Portugal para olharem para o concelho famalicense e criarem uma nova imagem que seja a marca de Vila Nova de Famalicão.

Promover a atratividade (nacional e internacional) de Vila Nova de Famalicão e o reforço da sua identidade e da autoestima dos que residem e trabalham no concelho, através de uma nova imagem visual do território e simultaneamente do Município, baseada na estratégia para o desenvolvimento do concelho, e proporcionadora das mais diversas aplicações e desenvolvimentos é o objetivo geral do concurso.

A primeira fase do procedimento está aberta até 29 de junho a todos os interessados, apontando para a apresentação, sob pseudónimo, de um estudo prévio simplificado, que deverá conter necessariamente a proposta para a nova identidade visual, acompanhada pelo respetivo conceito, arquitetura da marca e estudo de aplicação e utilização da identidade visual, entre outros critérios.

Os três melhores trabalhos da primeira fase passam à segunda etapa do processo, que decorrerá por um período de 45 dias e que resultará na apresentação das ideias de forma desenvolvida e detalhada, incluindo proposta de manual de identidade da imagem/marca. A cada um dos três melhores trabalhos apresentados na 1.ª fase do procedimento será atribuído um prémio de participação e consagração no montante de 1.500 euros decorrente da cedência dos direitos de autor sobre os trabalhos apresentados.

Do final desta fase resultará o vencedor do concurso a quem irá ser adjudicada, pelo valor de 35 mil euros, o desenvolvimento e disponibilização dos diversos produtos que constituem o manual da identidade gráfica, normas gráficas e visual completo, a adotar pelo Município.

Os fatores de qualidade, adequação e de inovação das propostas são os critérios a valorizar para a seleção dos trabalhos nas duas fases do processo. Os Termos de Referência e o Caderno de Encargos, encontram-se patentes no portal eletrónico de compras públicas do Município, na página de internet do Município, em www.vilanovadefamalicao.org, e em suporte papel, na Direção de Auditoria e Gestão da Qualidade (DAGQ) – Contratação Pública, do Município de Vila Nova de Famalicão, na Praça Álvaro Marques, 4764-502 Vila Nova de Famalicão, durante as horas de expediente, ou seja, de 2.ª a 5.ª feira – das 9 às 18 horas e à 6.ª feira – das 9 às 12 horas, desde a data da publicação do anúncio até ao termo do prazo para apresentação dos trabalhos de conceção.

F.C.Famalicão perde em casa com o S.C. Braga (0 – 3)

O Futebol Clube de Famalicão estreou-se esta época em casa com uma derrota, diante do S.C. Braga.

Os golos foram somente apontados pela equipa visitante, aos minutos 13, 19 e 79.

Na classificação, ao fim de duas jornadas, o Futebol Clube de Famalicão continua sem pontuar no campeonato.

Famalicão: Capitão Fausto animaram Dia da Juventude no Devesa Sunset

Os Capitão Fausto marcaram presença, esta sexta-feira, na iniciativa da Câmara Municipal “Devesa Sunset”.

A banda de Lisboa, formada em 2009, atuou ao final da tarde, no Parque da Devesa, diante de um público maioritariamente jovem que, depois de uma tarde nas piscinas municipais, continuaram a divertir-se neste espaço verde.

Veja algumas das imagens divulgadas pelo município:

Famalicão: Estacionamento indevido junto ao Parque da Devesa provocou bloqueio total do trânsito

Um elevado número de carros indevidamente estacionados, na Rua Fernando Mesquita, junto ao Parque da Devesa, provocou o bloqueio total do trânsito automóvel, ao final da tarde desta sexta-feira.

À nossa redação condutores relataram ter estado durante um largo período de tempo encurralados na fila de carros que entretanto se gerou.

O bloqueio do trânsito terá sido provocado pelo facto de existirem carros estacionados indevidamente nos dois sentidos daquela rua. Este tipo de estacionamento é, porém, habitual, no entanto apenas num dos sentidos.

A GNR esteve no local.

Famalicão: Já abriu ao trânsito a Rua Capitão Manuel Carvalho com via partilhada

Abriu ao trânsito esta sexta-feira a Rua Capitão Manuel Carvalho, no centro da cidade de Vila Nova de Famalicão.

A rua esteve nos últimos meses a ser alvo de uma intervenção profunda, sendo que agora funciona com o conceito de via partilhada.

Segundo a autarquia, a via passa a ser partilhada por peões e veículos, onde vigoram regras especiais de trânsito, entre elas, a prioridade do peão.

O acesso ao parque de estacionamento da Praça D. Maria II, tanto entrada como saída, passa a ser feito exclusivamente pela Rua Capitão Manuel Carvalho.

Obras em Famalicão: Vasos vandalizados durante a noite. Presidente da Câmara repudia vandalismo

Estão a entrar na fase final as obras no centro da cidade de Vila Nova de Famalicão.

Recentemente a autarquia colocou, em torno da Praça D.Maria II, dezenas de vasos que vão embelezar o espaço, no entanto, na última noite, esses mesmos vasos foram vandalizados.

Numa breve nota publicada nas redes sociais, o edil famalicense, repudiou o ato que “ não dignifica ninguém “.