Escola Camilo Castelo Branco está a celebrar 50 anos

A Escola Secundária Camilo Castelo Branco deu início, esta terça-feira, às comemorações dos 50 anos de existência. O ponto alto foi a homenagem a Joaquim Carneiro que dirigiu a escola ao longo de algumas décadas.

Numa sessão solene, onde estiveram presentes várias individualidades, o diretor Carlos Teixeira disse que é preciso estar atento a novos desafios. «Honrar a história é perspetivar o futuro, que terá necessariamente de ser de trabalho e dedicação, valorizando as caraterísticas individuais dos alunos».

Paulo Cunha, na qualidade de antigo aluno e presidente de Câmara Municipal de Famalicão, salientou que é preciso evidenciar quem construiu o projeto desta escola ao longo destes 50 anos, «porque a escola não são paredes. O essencial foi o processo formativo».

As comemorações dos 50 anos da Escola Camilo Castelo Branco vão continuar, com outros eventos.