Dívida do Centro Hospitalar duplicou

Dívida do Centro Hospitalar duplicou

O deputado Jorge Paulo Oliveira diz que a dívida do Centro Hospitalar do Médio Ave, que engloba as unidades de Famalicão e Santo Tirso, duplicou desde que o Governo PS tomou posse.

O social democrata adianta que o total da dívida a fornecedores passou de 4,6 milhões de euros, em dezembro de 2015, para 9,8 milhões de euros em março de 2019.

Deste montante, 6,8 milhões é de dívida a fornecedores.

O deputado da Assembleia da República pediu esclarecimentos à Ministra da Saúde, Marta Temido, sobre a resolução deste problema da dívida e sobre a greve dos enfermeiros às horas extraordinárias.

Jorge Paulo Oliveira receia a qualidade do serviço prestados aos utentes deste Hospital.

Most Popular Topics

Editor Picks