Dito abandona Futebol Clube de Famalicão

O Futebol Clube de Famalicão e o treinador Dito acertaram após o jogo deste domingo a rescisão do contrato e a cessação de funções como treinador da equipa profissional de futebol.

A sequência de resultados fez direção do clube e treinador reunir e esta decisão foi tomada pelas partes, de forma consensual, e em defesa do interesse do clube e da inversão do ciclo de resultados.

“O Futebol Clube de Famalicão não esquece o trabalho de Dito no comando técnico da equipa, que começou precisamente numa fase difícil da última temporada, em que sob a orientação do treinador foi garantida a manutenção. Esta temporada Dito orientou a equipa em 25 jogos, nas diferentes competições.

O Futebol Clube de Famalicão agradece a forma como o treinador se empenhou no trabalho diário e no projeto desportivo ao longo de quase um ano ao serviço do clube, postura exemplar que manteve nesta tomada de decisão entre as partes. Pelo envolvimento, carácter leal e identificação com os valores do Futebol Clube de Famalicão, o clube deseja ao técnico o maior sucesso pessoal e desportivo nos próximos projetos que abraçar.”

Fonte: FCFamalicao.pt

 

FC Famalicão participa no conceituado troféu Teresa Herrera

A equipa feminina do FC Famalicão participa, no dia 13 de agosto, num dos mais prestigiados torneios internacionais, o Teresa Herrera.

Na vertente feminina, o torneio vai na décima edição.

No dia 13, às 18 horas, o Desportivo Avanca defronta o FC Famalicão; às 20h30, defrontam-se as equipas masculinas do RC Deportivo da Corunha e o FC Metalist Kharkiv.

A participação da equipa famalicense neste prestigiado troféu espanhol, reconhecido mundialmente, representa uma participação internacional de grande relevo que atesta o percurso da equipa desde que o clube também enveredou pelo futebol feminino.

FC Famalicão: Médio argentino Colombatto assina até ao final da época

A SAD do Futebol Clube de Famalicão anunciou, na noite desta terça-feira, o acordo com Santiago Colombatto para um contrato até ao final da temporada.

O médio argentino, de 25 anos, chega dos mexicanos Club Léon, que representou nas duas últimas temporadas. Santiago Colombatto jogou, ainda, no futebol italiano (Cagliari, Pisa, Trapani, Perugia e Hellas Verona) e no campeonato belga, pelo Sint-Truiden.

É internacional pelas seleções argentinas, contando presenças no Mundial Sub-20, em 2017, e nos Jogos Olímpicos de 2020.

De regresso ao futebol europeu, o jogador espera fazer “um grande campeonato e ajudar a equipa a alcançar bons resultados”.

Descrevendo-se como “um jogador que deixa tudo em campo”, Santiago Colombatto revela, ainda, que De La Fuente e Valenzuela deram-lhe as melhores referências do clube e dos adeptos.

Anfiteatro da Devesa lotado para ver o plantel do Famalicão

Está a decorrer a apresentação do plantel do FC Famalicão para a nova época desportiva.

O anfiteatro do Parque da Devesa está lotado de adeptos que vão conhecer as novidades 2022-2023 do emblema famalicense.

Dois anos depois, devido às pandemia, os Famalicenses disseram presente .

Extremo da seleção do Panamá a caminho do FC Famalicão

O panamiano Puma Rodríguez é forte hipótese para reforçar o plantel do FC Famalicão. A imprensa desportiva fala de uma certeza para um contrato de quatro anos. Também em Espanha é dada como garantida a transferência do extremo esquerdo de 24 anos, num negócio que envolve a partilha de passe com o Alavés, detentor dos direitos económicos.

José Luis Rodríguez jogou, na época passada, no Gijon, por empréstimo do Alavés, cumprindo 39 jogos, três golos e duas assistências na 2.ª Liga espanhola.

Puma Rodríguez, como é conhecido no Panamá, tem 39 internacionalizações e está no futebol europeu desde 2015, começando nos belgas do Gent, depois os croatas do Istra e os espanhóis do Alavés, Lugo e Gijón.

 

 

FC Famalicão contrata dois reforços para a equipa feminina

As internacionais Andri Violari, de 25 anos, e Marie-Yasmine Alidou, de 27, foram anunciadas, esta quinta-feira, como reforços do FC Famalicão.

Andri é avançada e chega do Chipre (Nea Salamina FC) depois de ter sido eleita, na época passada, o jogadora mais valiosa do principal campeonato cipriota.

Mimi, como gosta de ser chamada Marie-Yasmine, é média e chega do Canadá (Montreal) depois de ter passado por países como Suécia, França, Espanha e Noruega.