DGS já permite abertura de caixões de vítimas covid

A Direção Geral da Saúde atualizou as regras sobre os funerais de vítimas covid-19. Assim, os velórios continuam a estar proibidos, mas na cerimónia fúnebre ou no funeral, se a família assim o desejar e se “houver condições”, o caixão pode ser aberto, desde que de forma rápida e a pelo menos um metro de distância.

A visualização do corpo pode também ser conseguida através de caixões com visor. Contudo, a DGS sublinha que em qualquer destas situações não é permitido tocar no corpo ou caixão.

Contudo, a autoridade de saúde salienta que «o caixão deve, preferencialmente, manter-se fechado».

Continua a ser proibido o aglomerado de pessoas nos funerais e obrigatório o controlo das distâncias de segurança, que, atendendo ao agravamento da situação epidemiológica, o distanciamento entre pessoas deve ser escrupulosamente mantido (2 metros) durante todo o funeral, evitando qualquer contacto físico.