“Desterrado” de António Olaio na Ala de Frente em Famalicão

O fundador da banda Repórter Estrábico, António Olaio, é o artista convidado para a primeira exposição do ano da galeria municipal Ala da Frente. Depois de ter apresentado “Desterrado” na Bienal de Arte Contemporânea de Coimbra, no ano passado, o artista plástico prepara-se para mostrar aos famalicenses esta instalação que junta pintura, vídeo e desenho.

A exposição, de entrada livre, será inaugurada no dia 8 de fevereiro, com a presença do Olaio, e vai estar patente até 22 de maio.

Esta instalação artística dá continuidade ao trabalho desenvolvido por António Olaio numa reflexão que iniciou em 2017 e que o levou a estabelecer uma relação com a escultura “Desterrado” do Museu Soares dos Reis, no Porto.

António Gonçalves, curador da Ala da Frente, vê nesta exposição a exploração de várias linguagens e territórios criativos, numa abrangência do trabalho de António Olaio. «Nesta exposição temos a presença da pintura, do vídeo e do desenho, num possível equilíbrio que nos levará a questionar o espaço e a nossa presença nele, assim como a nossa relação com o entendimento da arte».

A exposição poderá ser visitada de terça a sexta-feira, das 10 às 17h30 e aos fins de semana, das 14h30 às 17h30, na galeria de arte contemporânea Ala da Frente, localizada no Palacete Barão da Trovisqueira, na Rua Adriano Pinto Basto.