CTT FECHAM LOJA DE RIBA D’AVE QUE DÁ LUCROS SUPERIORES A 60 MIL EUROS

Fonte: Correio da Manhã

Dias após ser tornada pública a decisão de encerramento da loja dos CTT de Riba d’Ave, foram revelados os valores correspondentes aos lucros das estações afetadas por esta medida.

Os números apresentados mostram que das 22 lojas que vão fechar apenas duas dão prejuízo. No caso de Riba d’Ave, o posto instalado na Avenida Narciso Ferreira, tem um lucro de quase 65 mil euros.

Estes dados acabam por dar razão à presidente da junta e aos ribadavenses que não aceitam a justificação dada pela administração dos CTT e prometem não baixar braços para garantir a continuidade dos serviços prestados pelos correios.

De acordo com a fonte que revelou os lucros, as lojas que vão fechar portas tiveram custos de aproximadamente 2,15 milhões de euros, dos quais 1,4 milhões com pessoal. Em receitas contabilizaram 4,5 milhões. Contas feitas, só com estas 22 lojas, os CTT conseguiam encaixar nos cofres lucros de 2,4 milhões de euros.

Em Vila Nova de Famalicão e até esta sexta-feira nem a junta de freguesia nem a câmara municipal foram contactadas pela administração dos CTT para comunicar esta decisão, uma postura que tem vindo a ser criticada pela presidente da junta da vila de Riba d’Ave e pelo autarca famalicense. Apesar de tudo, e caso o encerramento avance, os responsáveis pela vila e pelo concelho já fizeram saber que estão disponíveis para negociar alternativas de forma a que a população não perca, na totalidade, os serviços que estão a ser prestados pelos correios.