Covid-19: Novas medidas esta quarta-feira

A partir do dia 1 de dezembro será declarado o Estado de Calamidade para Portugal continental, com novas medidas de contenção da pandemia de COVID-19. A testagem regular, a recomendação do teletrabalho e o uso obrigatório de máscaras em espaços fechados são algumas das regras a adotar.

A apresentação do Certificado Digital Covid volta a ser obrigatória no acesso a:

  • restaurantes
  • estabelecimentos turísticos e alojamento local
  • eventos com lugares marcados
  • ginásios.

É exigido um teste negativo à COVID-19, mesmo para pessoas vacinadas, nos seguintes locais:

  • visitas a lares
  • visitas a pacientes internados em estabelecimentos de saúde
  • grandes eventos culturais ou desportivos, sem lugares marcados, e recintos desportivos (cobertos ou ar livre)
  • discotecas e bares.

Nas fronteiras, as regras são:

  • teste negativo obrigatório para todos os voos que cheguem a Portugal
  • sanções para as companhias aéreas (20 mil euros por pessoa não testada que desembarque em Portugal)
  • teste negativo obrigatório para quem entra em território continental por via terrestre, fluvial ou marítima.

Para a semana de 2 a 9 de janeiro, que será de contenção dos contactos existentes na época festiva, serão adotadas regras específicas:

  • teletrabalho obrigatório
  • Interrupção das aulas presenciais em todos os níveis de ensino (recomeço das aulas a 10 de janeiro)
  • encerramento de discotecas e bares.

O reforço da vacinação na população mais vulnerável faz parte deste novo pacote de medidas, estando ainda em avaliação a vacinação de crianças entre os 5 e os 11 anos.

Burla em Calendário: Casal volta a enganar e consegue convencer idosa a dar 300 euros por carne

Há mais uma idosa que foi engana pelo casal que tem andado pelo concelho de Famalicão a vender carne.

Esta quinta-feira, a vítima foi uma moradora da Aldeia do Sol, em Calendário.

Ao que nos foi possível apurar, o casal começou a conversa dizendo que conhecia bem os vizinhos, chegando mesmo a dizer alguns dos nomes que, provavelmente, foram ver às caixas de correio. Depois de captada a confiança da vítima, disseram-lhe que tinham para venda uma carne de muito boa qualidade, habitualmente comprada pelos moradores daquela zona.

A senhora, convencida de que estava perante um bom negócio, acabou por cair no golpe e pagou 300 euros por carne de vaca que vale muito menos.

Já a semana passada, um casal de burlões usou a mesma estratégia e conseguiu convencer uma outra idosa a dar 200 euros por pedaços de carne.

Regras para o voto de infetados / isolados: Não podem usar máscara social, só cirúrgica ou FP2

Foram revelados, esta quinta-feira, mais detalhes sobre como irá decorrer o processo de voto nas eleições legislativas do próximo dia 30.

Conforme anunciado a meio desta semana, pessoas em isolamento vão poder sair de casas só para exercer o seu direito de voto.

De acordo com as normas tornadas públicas pelo governo, essas pessoas devem deslocar-se para os locais de voto a pé ou em veículo próprio. Não poderão utilizar máscaras sociais, sendo obrigatório o uso de máscaras cirúrgicas ou modelo FP2.

Covid-19: Novo recorde de infetados: 56.426

Portugal bateu um novo recorde diário de infeções pelo novo coronavírus. São 56.426 nas últimas 24 horas e mais 34 mortes.

O Norte é a região que continua a apresentar o maior número de casos: 24.422 novos casos e 10 mortes.

Os internados, em enfermarias, são 2.004 (mais 45) e em UCI há 152 (menos 1).

Médicos querem horários e locais só para eleitores isolados/infetados pela Covid-19

Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública sublinha o “precedente evitável” da quebra do isolamento e diz que esta situação vai “condicionar novas dificuldades ao exercício profissional dos médicos de saúde pública”

Os médicos de saúde pública recomendam horários e locais próprios de votação nas legislativas para quem está em isolamento, para evitar cruzamento de pessoas, e sugerem escusa de responsabilidade civil até final de fevereiro.

Num comunicado divulgado depois de o Governo ter anunciado que as pessoas isoladas por causa da covid-19 vão poder ir votar presencialmente nas eleições legislativas de dia 30, a Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública (ANMSP) sublinha o “precedente evitável” da quebra do isolamento e diz que esta situação vai “condicionar novas dificuldades ao exercício profissional dos médicos de saúde pública”.

Banco CTT acaba com contas sem comissões, cliente passa a pagar de três em três meses

O Banco CTT anunciou que vai acabar com as contas sem comissões.

Quando abriu portas, as contas sem custos para o cliente foi uma das “bandeiras” utilizadas pela instituição que, agora, decidiu mudar de estratégia.

Assim sendo, e de acordo com o jornal ECO, as contas do Banco CTT passam a ter uma comissão anual de 20 euros, cobrados em parcelas de 5 euros de três em três meses.

As alterações entram em vigor no mês de abril.

Covid-19: Novo recorde de infetados, 52.549, no dia em que se sabe que quem estiver em isolamento pode ir votar

Portugal registou, esta terça-feira, um novo recorde diário de infetados pelo novo coronavírus. São 52.549 novos casos e 33 mortes.

O Norte volta a ser região o número mais elevado de infeções, com 22.455 casos. Há, ainda, 10 falecimentos.

No que diz respeito aos internamentos, nas enfermarias estão 1959 pessoas (mais quatro); em UCI há 153 doentes (menos 7).

Recorde-se que esta quarta-feira, o Governo decidiu que as pessoas que estiverem em isolamento no dia das eleições legislativas, marcadas para 30 deste mês, vão poder sair para exercer o seu direito de voto. A informação foi avançada pela ministra Francisca Van Dunem em conferência de imprensa realizada ao início da tarde.