Covid-19 em Cavalões: Cruz Vermelha chamada para ajudar lar mas recusa-se a trabalhar

Dois voluntários da Cruz Vermelha de Braga foram deslocados para Cavalões, em Vila Nova de Famalicão, com o objetivo de apoiar o lar “Residência da Patrinha”, que ficou sem grande parte da equipa de profissionais, infetados pelo novo coronavírus.

A ajuda chegou cerca da 01h00 deste domingo, contudo, não foi eficaz.

Chegados ao local, os elementos da Cruz Vermelha, ao perceberem o risco de contaminação por Covid-19, terão comunicado que não tinham condições para trabalharem em segurança.

A residência sénior continua sem o apoio essencial para dar resposta aos 33 utentes.

Imagens: CMTV