Close-up recebeu mais de 3 mil espectadores

Close-up recebeu mais de 3 mil espectadores

Mais de 3 mil pessoas passaram pela terceira edição do Close-Up, o Observatório de Cinema de Vila Nova de Famalicão que na última semana trouxe à Casa das Artes mais de 40 sessões de cinema.

A iniciativa terminou no passado sábado, 20 de outubro, com um filme-concerto inédito da autoria de Noiserv, projeto musical de David Santos que musicou ao vivo o filme “Sherlock Jr.” de Buster Keaton (1924).

No final de mais uma edição, o programador do Observatório, Vitor Ribeiro, traça um balanço positivo do evento. “Incrementamos a afluência de público nas diversas secções e robustecemos a nossa relação com a comunidade, em especial com a população estudantil”, disse.

“Ao terceiro episódio o Close-up firma um carácter singular no panorama português e estabelece Famalicão como Cidade Cinema”, acrescentou.

Dos oito dias de programação, destaque para o filme-concerto de abertura do Observatório assinado por The Legendary Tigerman, para as dez sessões realizadas para o público escolar e para a mostra de cinema da América Latina.

Refira-se ainda que esta terceira edição do Close-Up recebeu cerca de três dezenas de convidados, entre realizadores, jornalistas, investigadores e programadores.

A versão alargada do Close-Up despede-se até ao próximo ano, mas promete continuar a colocar o concelho famalicense no centro das atenções do universo cinematográfico com a realização regular de sessões comentadas e debates. “O Close-up regressará em breve para a primeira réplica deste episódio, prosseguindo o trabalho de programação, numa relação estreita com a comunidade e com os diferentes públicos”, explica ainda a propósito Vítor Ribeiro.

Most Popular Topics

Editor Picks