Pedro Almeida brilhou no Pinhal do Rei – Rali Vidreiro

Pedro Almeida, acompanhado por Nuno Almeida, deixou-se fascinar pelo mar e a mata da região da Marinha Grande e, tirou o máximo partido da estratégia delineada à partida da primeira jornada da fase de asfalto do Campeonato Portugal Ralis, terminando o Rali Vidreiro na sexta posição. “Cumprimos à risca a estratégia que delineamos à partida deste rali, como em todos os anteriores, primeiro é terminar. Chegamos ao final na sexta posição do CPR, numa dura e longa prova, mas o Ford Fiesta R5 esteve sempre em grande nível e toda a equipa fez um excelente trabalho, como tem sido apanágio”, começou por dizer Pedro Almeida na chegada à assistência na Marinha Grande.

O jovem piloto de Famalicão não escondia a satisfação pela excelente “estreia” do Ford Fiesta R5 em pisos de asfalto, naquela que foi também, a primeira prova de Pedro Almeida no CPR neste tipo de piso: “Como em qualquer modalidade desportiva, os ralis também podem provocar contratempos, e este não foi exceção. Contrariedades que foram sendo “reparadas”, mas fizeram perder tempo, essencialmente com a válvula pop-off, durante a manha de hoje que acabaria por ser solucionada na assistência. Na partida para a derradeira seção penalizamos à entrada da primeira especial devido à quebra da barra estabilizadora e tivemos que “jogar” com a meteorologia que se apresentou instável e baralhou a escolha de pneus. Já o Fiesta R5 esteve em excelentes condições com um set-up perfeito”, revelou Pedro Almeida cada vez mais à vontade com o carro assistido pela ARC Sport.

O Campeonato Portugal Ralis segue agora para Castelo Branco para a realização da quinta jornada, agendada para 30 de junho e 1 de julho: “Uma região onde já fui muito feliz, foi lá que obtive a primeira vitória na minha curta carreira no desporto motorizado, vencendo numa jornada de ralicross”, salientou Pedro Almeida que conta com os seguintes apoios: Nhclima – Ventilação e Climatização, Bamesa,JACunha – Equipamentos e Logística, Lda, JAC Transporte, NHGROUP, Suba – Creative Agency, Famaconcret, Lda, Telheiro & Gonçalves, Lda, Habialuminios, Lda, Cozicruz, MobiliárioL3W – Material Eléctrico, Bricofama – Bricolage e materiais similares para construção, Ponto Placa – Materiais de Construção, e Município de Famalicão.

Rui Raimundo vitorioso no Rali de Portugal

Melhor era quase impossível! Daniel Nunes e o famalicense Rui Raimundo, na sua estreia no Rally de Portugal conseguiram uma notável exibição que os levou ao triunfo no Campeonato de Portugal de Ralis 2 Rodas Motrizes e ainda a um brilhante 2º lugar na Peugeot Rally Cup Ibérica.

Num rali que à partida já se previa muito duro e onde a gestão da prova seria fundamental, a dupla do Peugeot 208 R2 partiu para o rali em piso de terra bastante concentrados em não cometer erros ou excessos, mas ainda assim o primeiro dia não foi isento de percalços, com um amortecedor partido e dois furos. O troféu monomarca apresentou um nível competitivo bastante elevado com muitos candidatos ao top 5, mas a equipa surpreendeu com um excelente andamento e com uma estratégia de prova que funcionou em pleno e permitiu-lhes concluir a prova inaugural da competição com um excelente resultado.

Terminada a competição da Peugeot, a dupla concentrou-se no Nacional de 2 rodas motrizes e bastou gerir para garantir a vitória que andava a escapar nas últimas provas. Como refere Daniel Nunes, “tivemos um início de rali complicado! 2 furos e um amortecedor partido fez-nos perder algum tempo, mas mesmo assim andamos sempre concentrados em gerir o andamento para não sermos traídos pela mecânica, pois num rali bastante duro, um exagero podia comprometer tudo. Na vinda à assistência a Inside Motor colocou-nos o 208 R2 novamente como novo e quando vimos que estávamos já no pódio, ‘apertamos’ mais o andamento e acabou por dar frutos com um excelente 2º lugar final. Hoje estivemos focados em garantir a vitória no nacional e deu para desfrutar as fantásticas especiais. Foi um prémio merecido para a Inside motor que trabalhou imenso nas últimas duas semanas para termos o carro pronto e mesmo num rali bastante exigente, nada apontar. Para nós a prova foi excelente pela evolução que conseguimos, num rali extenso onde a gestão é essencial para um resultado excelente”.

Com este resultado, Daniel Nunes e Rui Raimundo são os novos lideres do Campeonato de Portugal de Ralis 2 Rodas Motrizes.

 

Espectador morre no Rali de Portugal

Um espectador do rali de Portugal morreu, sábado, em Amarante. Ajuda demorou a chegar porque os socorristas tiveram de se deslocar a pé, numa zona de circulação apenas aos carros do rali.

A vítima caiu ao chão inanimada a zona do Bosque dos Avós, em Aboadela, Amarante. Inácio Nuno Pinho, de 57 anos, natural de Vale de Cambra, chegou ao local com dois amigos de bicicleta.

Segundo o JN, o homem caiu inanimado junto a uma barraca de uma associação. “Uma enfermeira no local ainda fez manobras de reanimação, tendo o doente recuperado por três vezes”, começa por explicar António Ferreira, também ele um espetador do rali que se encontrava no local da ocorrência.

“O episódio ocorreu antes de se iniciar a classificativa, inclusive antes de surgirem os carros da organização a abrir o troço. No preciso momento que se iniciou o troço chegou um helicóptero. O INEM também apareceu no local, tendo feito o percurso do publico, serra acima, em cima da hora”, refere a testemunha.

O incidente deu-se cerca das 10.30 horas, num local a cerca de dois quilómetros da classificativa de Amarante. “Não sei se o resultado teria sido diferente, mas a ambulância poderia ter chegado mais cedo no mínimo meia hora”, concluiu António Ferreira

Em comunicado o INEM e ACP informaram que tiveram conhecimento da situação, cerca das 10.50 horas, e que foram acionados os meios que se encontravam mais próximos da vítima.

“Por se encontrar numa zona de espetáculo, o acesso das viaturas por via terrestre não se revelou possível, tendo a equipa com capacidade de Suporte Básico de Vida (SIV) conseguido chegar a pé junto da vítima”, pode ler-se.

Segundo a fonte o helicóptero foi acionado às 10.54 horas e aterrou no local às 11.19 horas.

Fonte: JN

Tuff4x4 no pódio do King of France

A equipa Famalicense consegue o terceiro lugar na competição King of France, participaram nesta competição Jorge Araújo e Diogo Barros ao volante de um “Chevy LS3 6.2 cilindrada 525cv”.

Uma competição muito agressiva com os melhores pilotos da modalidade.

Tuff4x4 é uma empresa especializada na preparação de viaturas para competição todo terreno.

Armindo Araújo vence o Campeonato Portugal de Ralis

Armindo Araújo e Luís Ramalho terminaram o Rali de Portugal cumprindo com todos os seus objectivos e alcançando as suas metas.

Fica a sua publicação na rede social à instantes.

“Assim termina mais uma edição do Rally de Portugal.
Acabou da melhor forma, pois atingimos todos os nossos objectivos:
Vitória no Campeonato de Portugal de Ralis e melhor equipa Portuguesa.
Terminamos no 14º lugar da geral.
A todos vocês o meu obrigado, por me fazerem sentir apoiado/acarinhado. “

Comente deixando o voto de felicitação.

Most Popular Topics

Editor Picks