Radares da PSP para o mês de maio

A PSP informa que até final do mês de maio, irá efetuar ações de fiscalização rodoviária – RADAR nos seguintes locais:

AÇORES
28-mai-18 06H45 Estrada Regional da Mediana – Capelas – Ponta Delgada
28-mai-18 12H45 Estrada Regional da Mediana – Capelas – Ponta Delgada

AVEIRO
02-mai-18 14H00/20H00 EN 109 – Km 5.1 – Aveiro
09-mai-18 08H00/14H00 Av. da Universidade – Aveiro
17-mai-18 09H00/13H00 Variante da Rua 19 – Espinho
17-mai-18 15H00/19H00 Av. da Régua – Ovar
18-mai-18 09H00/13H00 Rua Eduardo Vaz – Santa Maria da Feira
18-mai-18 15H00/19H00 Rua dos Sapateiros (sentido descendente) – São João da Madeira
23-mai-18 08H00/14H00 EN 109 – Km 5.1 – Aveiro
23-mai-18 09H00/13H00 Estrada de Santiago, em Silvalde – Espinho
23-mai-18 15H00/19H00 Rua do Sobral – Ovar
24-mai-18 09H00/13H00 Estrada da Circunvalação – Santa Maria da Feira
24-mai-18 15H00/19H00 Av. do Brasil – São João da Madeira
30-mai-18 14H00/20H00 Rua Direita, em Quinta do Picado – Aveiro

BEJA
04-mai-18 09h00 Rua Francisco Miguel Duarte – Beja
11-mai-18 14h00 Rua Zeca Afonso – Beja
17-mai-18 09h00 EN 255 – Moura
22-mai-18 09h00 Av. Salgueiro Maia – Beja

BRAGA
03-mai-18 09H00H00 Circular Urbana – Guimarães
04-mai-18 21H00 Av. António Macedo – Braga
08-mai-18 08H00 Circular de Barcelos
08-mai-18 14H00 Variante A.N. Nascente – Famalicão
09-mai-18 10H00 Av. Miguel Torga – Braga
11-mai-18 14H00 Circular de Barcelos – Viaduto do Queimado
15-mai-18 14H00 Circular de Barcelos
17-mai-18 09H00 Variante Creixomil – Guimarães
22-mai-18 08H00 Circular de Barcelos – Viaduto do Queimado
23-mai.18 15H00 Av. Cónego Jorge Peixoto Coutinho – Braga
24-mai-18 14H00 Circular Urbana – Guimarães

BRAGANÇA
10-mai-18 08H00/14H00 EN 15 – Mirandela
18-mai-18 08H00/14H00 Av. Abade de Baçal – Bragança

CASTELO BRANCO
08-mai-18 10h00 / 12h00 EN1 8 – Vale do Romeiro – Castelo Branco
14-mai-18 06h45 / 08h45 Av. Pero da Covilhã – Covilhã
22-mai-18 10h00 / 12h00 EN2 23 – Chão de St.º André – Castelo Branco
29-mai-18 06h45 / 08h45 Av. Infante D. Henrique – Covilhã

COIMBRA
04-mai-18 08H00 Ferrugenta – Figueira da Foz
08-mai-18 09h00 Via Augusto Vaz Serra – Coimbra
16-mai-18 08H00 Av. do Brasil – Figueira da Foz
16-mai-18 16H30 Ponte Rainha Santa Isabel – Coimbra
23-mai-18 10H00 IC 2- KM 191 – Coimbra
30-mai-18 08H00 Av. Dr. Manuel Gaspar de Lemos , junto da Escola Secundaria Dr. João de Barros – Figueira da Foz

ÉVORA
04-mai-18 09H00 EN 114 – Évora Hotel sentido Montemor/Évora – Évora
07-mai-18 09H00 EN 18 Bairro Frei Aleixo sentido Évora/Estremoz – Évora
09-mai-18 09H00 EN 18 ao Gil – Estremoz
15-mai-18 09H00 ER 114-4 Sentido Arraiolos/Évora – Évora
21-mai-18 09H00 EN 18 ao Gil – Estremoz
23-mai-18 09H00 EN 254, Bairro da Comenda sentido Redondo/Évora – Évora
29-mai-18 09H00 Av. Lino de Carvalho – Évora

FARO
07-mai-18 08H00-12H00 Rua Almirante Cândido dos Reis – Tavira
09-mai-18 0830-12H30 Av. 5 de Outubro – Olhão
15-mai-18 10H00-12H00 Estrada Moinho da Palmeira – Faro
16-mai-18 09H00 – 12H00 Av. de Castro Marim – Vila Real de Santo António
17-mai-18 09H00 – 12H00 Av. V6 – Cidade de Portimão
22-mai-18 09H00 – 12H00 Rua da Cruz Vermelha Portuguesa – Tavira
23-mai-1 09H00 – 12H00 Av. da Fonte Coberta – Lagos
28-mai-18 15H00-17H00 Av. Dom João VI – Olhão
29-mai-18 08H00-12H00 Rua Almirante Cândido dos Reis – Tavira

GUARDA
22-mai-18 08h00 VICEG

LEIRIA
16-mai-18 14H00/17H00 Av. Nogent Sur Marne – Nazaré
29-mai-18 14H30-18H80 Rua de Albergaria dos Doze – Mouriscas – Pombal

LISBOA
02-mai-18 14h00-18h00 Av. Calouste Gulbenkian – Lisboa
04-mai-18 14h00-18h00 Av. Marechal Gomes da Costa – Lisboa
07-abr-18 09h00-16h00 Rio de Mouro, Avenida Elias Garcia
09-mai-18 14H00-18H00 EN 248 entre o km 30,490 e o km 30,390 (Cruzamento entre a R Padre António Vieira e a R 28 de Março – Vila Franca de Xira
17-mai-18 07h00-13h00 Av. Ivens – Dafundo – Sentido Lisboa/Cascais
17-mai-18 13h00-19h00 EN 249-3 (variante Porto Salvo) – sentido Norte/Sul
21-mai-18 14h00/18h00 Av. Padre Cruz – Lisboa
22-mai-18 09H00-12H00 EN 6 – Km15.3 – S. João do Estoril (Sentido Cascais – Lisboa);
23-mai-18 08h00-12h00 Estrada Regional 374 – Sete Casas
24-mai-18 09H00-17H00 Estrada dos Salgados – Falagueira-Venda Nova
30-mai-18 21h00-23h30 Av. dos Combatentes – Lisboa

MADEIRA
04-mai-18 19H00 VE- 3 Km 6,9 Túnel Ponta do Sol/Madalena do Mar
07-mai-18 08H00 Av. Mário Soares e Rua Pestana Júnior
07-mai-18 17H00 VE 1 – Moinhos Faial/ VE 1 – Túnel do Cortado – Santana
15-mai-18 08H00 Estrada Monumental e Av. do Infante
17-mai-18 08H00 Estrada do Aeroporto, Mãe de Deus – Caniço
21-mai-18 14H00 Rua Pestana Júnior e Caminho de Santo António
29-mai-18 07H00 Via expresso 3 Km 1 sentido Sul – Norte
30-mai-18 08H00 Estrada da Fundoa e Av. Máro Soares

PORTALEGRE
14-mai-18 08H30 EN 246 – Portalegre
25-mai-18 15H00 Av. do Dia de Portugal – Elvas

PORTO
02-mai-18 14H00/18H00 Via Eng. Edgar Cardoso – V.N.Gaia
04-mai-18 08H00/12H00 Av. Dr. Antunes Guimarães – Leça da Palmeira
15-mai-18 20H00/24H00 Av. Marechal Gomes da Costa – Porto
22-mai-18 20H00/24H00 Estrada da Circunvalação – 11089 – Porto
28-mai-18 14H00/18H00 Estrada da Circunvalação – 11.124 – Matosinhos
31-mai-18 08H00/12H00 Estrada D. Miguel – Gondomar

SANTARÉM
02-mai-18 08:00/12:00 Av. António Farinha Pereira – Alferrarede – Abrantes
03-mai-18 15:00/19:00 EM 1179 – Entroncamento
04-mai-18 08:30/12:30 EN 110 – Carvalhos de Figueiredo – Tomar
09-mai-18 08:30/12:30 EN 110 – Alvito – Tomar
10-mai-18 08:00/12:00 Av. Bombeiros Voluntários – Ourém
11-mai-18 08:00/12:00 Barreira Alva – Torres Novas

SETUBAL
15-mai-18 14:00 Av. Fuzileiros Navais – Barreiro
04-mai-18 09:00 EN 4 – Setúbal
04-mai-18 11:00 Av. do Mar – Amora
04-mai-18 10:00 Av. Arsenal do Alfeite (sentido Almada – Corroios)
07-mai-18 09:00 Circular Externa – Montijo

VIANA DO CASTELO
10-mai-18 09H30 Via Foral D. Teresa – Ponte de Lima
23-mai-18 16H30 Av. Capitão Gaspar de Castro – Viana do Castelo
28-mai-18 16H30 Estrada da Papanata – Viana do Castelo

VILA REAL
04.05.2018 14H00 Av. Rainha Dona Mafalda – Chaves
09.05.2018 08H00 Av. Aureliano Barrigas – Vila Real
22.05.2018 14H00 Av. do Tâmega – Chaves
28.05.2018 14H00 Rua vasco Sameiro – Vila Real

VISEU
03-mai-18 08h30 Av. do Reg. Infantaria 14 – Viseu
07-mai-18 14H00 Av. D. Egas Moniz – Lamego
14-mai-18 16H00 Av. Prof. Reinaldo Cardoso – Viseu
14-mai-18 10H00 Av. D. Egas Moniz – Lamego
23-mai-18 08H30 Av. Europa – Viseu

IPCA abre portas a mais de mil alunos do secundário

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) abre as suas portas nos dias 9 e 10 de maio a centenas de estudantes do ensino secundário da região para participarem nas atividades do Open IPCA 2018.

Durante estes dois dias os participantes no Open IPCA 2018 vão viver de perto o ambiente de ensino, da investigação, a vida académica e ficar a conhecer a oferta formativa e as saídas profissionais dos cursos que o IPCA oferece, assim como esclarecer dúvidas sobre o processo de candidatura ao Ensino Superior, no caso das licenciaturas e dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais.

Esta edição conta com a participação de escolas secundárias dos distritos de Braga, Porto e Viana do Castelo. Os visitantes vão ter a oportunidade de conhecer um Campus Verde, Seguro e Saudável ao longo das mais de trinta atividades organizadas pelas quatro escolas do IPCA.

Acompanhados pelos seus professores, os participantes vão ter a oportunidade de ser recebidos pelos grupos académicos do IPCA e interagirem com a comunidade estudantil que, além de os ajudar na realização das atividades vão também dar o seu testemunho e esclarecer dúvidas sobre o que é ser estudante no IPCA.

A Presidente da Comissão Organizadora do Open IPCA, Paula Loureiro, lembra que o ano passado o IPCA recebeu “cerca de 1000 estudantes do Ensino Secundário, nos dois dias. Este ano temos mais novidades, estamos à espera de superar as expetativas. As escolas estão a trabalhar em sintonia e os visitantes vão ficar a conhecer melhor o Campus e o que o IPCA tem para lhes oferecer”.

Entre as várias atrações e atividades a realizar, destaque para a possibilidade de pilotar um Drone, programar um Sphero numa pista todo o terreno, jogar ao Twister e à Torre da Esparguete, fazer atividades radicais como slide e Stackline, e até ter Workshop´s de impressão 3D e demonstração do processo de pós-produção vídeo da saga Star Wars. Será certamente uma experiência única no Campus do IPCA.

Assalto à mão armada a bomba de gasolina

A estação de serviço da “Prio” voltou a ser assaltada, este sábado à noite, em Macieira de Rates, Barcelos.

O assalto foi feito à mão armada, desconhecendo-se para já o apuro e as consequências do furto. A GNR de Joane, esteve no local a efetuar várias diligências pois a de Barcelos estava mobilizada em outra ocorrência.

Há cerca de um ano e meio esta mesma bomba de combustível foi alvo de assalto por trio encapuzado e armado.

INEM multado por excesso de velocidade

Condutores multados circulavam em situação de emergência numa viatura do INEM.

Dois condutores de viaturas do INEM – Instituto Nacional de Emergência Médica do corpo de Bombeiros Municipais de Santarém (BMS) foram autuados pela Polícia Municipal de Lisboa, por conduzirem 30 km acima do limite máximo permitido, apesar de circularem em situação de emergência. O adjunto do comandante dos BMS, Filipe Almeirante, revela que receberam 15 notificações por excesso de velocidade em 2017, situação comum nos bombeiros, mas foi a primeira vez que foram multados, já que o procedimento habitual é participar as circunstâncias da infração e o processo ser arquivado. “A justificação foi dada, a tempo e horas, com os dados todos”, garante.

Face a esta situação, o Município de Santarém vai contestar os autos, para não ter de pagar as multas e, acima de tudo, para evitar que os condutores percam pontos da carta de condução. “O Artigo 64.º do Código da Estrada diz que podemos quebrar algumas regras, onde se inclui excesso de velocidade, desde que o façamos com cuidado”, argumenta Filipe Almeirante.

Tendo em conta que é frequente irem mais do que uma vez por dia levar doentes emergentes a hospitais de Lisboa, o adjunto do comandante dos BMS receia deixarem de ter condutores habilitados para o efeito. “Se o procedimento for o de multar cada vez que uma ambulância passar num radar, garantidamente, o condutor fica sem carta rapidamente”.

Presidente da liga dos bombeiros indignado.

“Nenhum bombeiro vai deixar morrer quem quer que seja para respeitar os limites de velocidade”, assegura o presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Jaime Marta Soares. Indignado com a situação, que garante estar a suceder em todo o país, diz que os condutores recebem formação para fazer uma condução segura e sublinha que cada segundo conta para salvar uma vida. “Os bombeiros não querem estar acima da lei, mas não pode haver a aplicação de multas seja em que circunstância for. É imoral e ilegítimo”, refere ao JN.

Fonte do Município de Lisboa justifica o levantamento dos autos aos condutores dos BVS por as infrações não terem sido devidamente fundamentadas, já que foi identificado o condutor e enviado o relatório da ocorrência, mas “não foi invocado o Artigo 64.º para justificar a marcha de socorro”.

Luta violenta com famalicenses travada pela GNR em Vila Verde

Uma cena de pancadaria, com dois homens bastante ensanguentados, na sexta-feira, nas imediações do Santuário do Alívio, em Vila Verde, foi travada pela GNR, após um grupo de civis ter tentado acabar com as agressões mútuas por razões ainda indeterminadas.

A ocorrência verificou-se ao princípio da noite, junto da Estrada Nacional 101, nos limites das freguesias de Soutelo e de Loureira, havendo versões distintas quanto à origem destes acontecimentos, com um grupo de contendores a alegar ter sido uma tentativa de assalto a duas casas no centro de Vila Verde e o outro grupo a dizer que foi um ajuste de contas.

O caso só não tomou maiores proporções, segundo afirmou ao JN o presidente da Junta de Freguesia de Soutelo, Filipe Silva, porque o próprio autarca, ao aperceber-se, quando aí passava de automóvel, parou de imediato e, com a ajuda de um irmão, o advogado João Silva, começou por demover os ímpetos dos dois grupos, enquanto chamava pela GNR, tentando separar vários homens em luta desenfreada, que estavam junto de uma carrinha.

“Dois dos homens pareciam uns cristos, estavam ensanguentados da cabeça aos pés, em face de tanta pancada que levaram, eles estavam muito feridos”, disse Filipe Silva.

Ao local acorreram patrulhas da GNR, Bombeiros Voluntários de Vila Verde e a Cruz Vermelha de Amares, que depois dos primeiros socorros transportaram para o Hospital de Braga dois dos feridos, enquanto um terceiro terá conseguido fugir, sendo todos eles de Vila Nova de Famalicão.

O Comando Territorial da GNR de Braga confirmou ao JN a ocorrência, mas reservou as informações sobre o caso para momento posterior, dado que ainda decorrem diligências, até pelas duas versões antagónicas, de uma tentativa de assalto ou de ajuste de contas.

Fonte: JN

Bandeira Azul chega a 332 praias em 2018

A época balnear contará este ano com 332 praias com Bandeira Azul. Em comparação com 2017, existem mais 12 praias com o galardão. A área de Lisboa e Vale do Tejo conta este ano com 48 praias que vão hastear a bandeira, as mesmas que o fizeram em 2017.

No Centro serão 39 praias com Bandeira Azul, mais três face ao ano passado, todas elas praias fluviais. A região é mesmo aquela que conta com um maior número de praias fluviais no País, num total de 16. Já no Alentejo há 32 praias premiadas. A região conta com mais uma Bandeira Azul face a 2017, também atribuída a uma praia fluvial, no concelho de Mourão.

O Algarve reforça este ano a sua posição de liderança com 89 galardões. Mais um, atribuído à praia do Pintadinho, no concelho de Lagoa. Por concelhos, Albufeira lidera no País, com 25 praias. O Norte mantém o segundo posto com 73 praias com bandeira azul. Há a registar a reentrada de duas praias costeiras no concelho de Matosinhos e a entrada da praia fluvial de Azenhas/ Vilar de Mouros, no concelho de Caminha. Nos Açores serão hasteadas 37 e na Madeira 14. A Bandeira Azul foi ainda atribuída a 18 marinas e a 7 embarcações ecoturísticas. O presidente da associação Bandeira Azul, José Archer, disse que “o esforço realizado na melhoria das áreas balneares permitiu ganhos socioambientais entre 25 a 55 milhões de euros”.

Marinha Grande, Sintra e Cascais recusam

No continente há três concelhos que não vão hastear a Bandeira Azul por recusarem pedir a avaliação das praias à Associação Bandeira Azul: Marinha Grande, Sintra e Cascais. Segundo o gabinete de imprensa da Câmara Municipal de Cascais, “a bandeira azul não detém o monopólio da qualidade das praias. Outras associações também atribuem distinções às praias e utilizam critérios mais atualizados e rigorosos”. Acrescenta a mesma fonte que a falta do galardão não afeta o turismo: “Cascais tem batido sucessivamente o recorde de visitas e dormidas”. Em Sintra, fonte da autarquia refere que a “câmara não concorre há vários anos porque não se revê nas regras da Bandeira Azul, vocacionadas para praias de características urbanas”. Por sua vez, fonte da Câmara da Marinha Grande refere que “há mais de dez anos que não é apresentada candidatura, precisamente por discordar dos critérios”. Oeiras é o outro concelho da costa sem Bandeira Azul. O presidente da Associação Bandeira Azul, José Archer, disse que há uma evolução positiva e acredita que “em 2019, o concelho possa receber a bandeira”.

Hastear das bandeiras

O hastear das bandeiras será nas praias da Torreira, Murtosa (1 de junho), Monsaraz (4 de junho) e Marina de Gaia (19 de junho).

Título em 55% das praias

Esta época balnear, a Bandeira Azul será hasteada em 55% das praias portuguesas. Portugal é o sexto país da Europa com mais bandeiras.

Most Popular Topics

Editor Picks