Operadoras dão chamadas, sms e internet aos profissionais de saúde durante pandemia

Todas as operadoras móveis portuguesas estão a oferecer minutos de conversação, sms’s, e até internet móvel aos profissionais de saúde.

O acordo surge depois de o Gabinete de Resposta Digital ao Covid-19, coordenado pelo Ministério da Economia e da Transição Digital, ter solicitado o apoio das redes para encontrar soluções urgentes, que salvaguardem os consumos de comunicações eletrónicas por parte dos profissionais de saúde do SNS.

Da oferta constam: 10 mil minutos de voz para redes fixas e móveis nacionais
; 10 mil SMS para redes móveis nacionais
; e 10 GB de dados móveis

Estes benefícios serão associados aos tarifários de serviço telefónico móvel subscritos pelos profissionais do SNS e serão renovados no primeiro dia de cada mês enquanto a se mantiver a pandemia.

Os interessados em solicitar esta oferta devem preencher o formulário no seguinte link:

https://covid19estamoson.gov.pt/apoio-digital-aos-profissionais-de-saude/

Não há peregrinação ao Santuário de Fátima

A habitual peregrinação a Fátima no dia 13 de maio foi cancelada devido à pandemia do covid-19. No entanto, as pessoas podem acompanhar as celebrações no Santuário, presididas pelo cardeal D. António Marto, e que serão transmitidas pela televisão e meios digitais.

Na noite de 12 de maio será recitado o terço com o lucernário; no dia 13 haverá missa internacional.

«O recinto do santuário estará vazio, mas não deserto. Ainda que separados fisicamente, estaremos todos aqui espiritualmente unidos como Igreja com Maria, de modo intenso, com o coração cheio de fé, disse D. António Marto.

Covid-19: SNS24 com linha para ajudar em situações de stress, ansiedade e angústia

A Linha SNS24 lançou um serviço de aconselhamento psicológico para a população em geral, profissionais de saúde, elementos da proteção civil e forças de segurança.

O acesso a este serviço é feito pela Linha SNS24 (808 24 24 24). Ao ligar, deve escolher a opção 4 (“aconselhamento psicológico”). A partir desse momento, ficará em espera até ser atendido por um psicólogo.

O serviço procura reforçar o cuidado com a saúde mental dos cidadãos, através de um atendimento que ajuda a gerir as emoções específicas de uma situação de crise, tais como o stress, a ansiedade, a angústia e o medo.

Este serviço, lançado no dia 1 de abril, é indicado para os casos em que as pessoas estão muito aflitas e com níveis elevados de ansiedade.

Most Popular Topics

Editor Picks