OCDE destaca Famalicão pelas medidas de apoio ao comércio em tempo de covid-19

Depois da ONU, é a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) a destacar Vila Nova de Famalicão pelas respostas à pandemia da Covid-19.

A OCDE elogia as medidas tomadas pela Câmara de Famalicão no apoio à produção e ao comércio de proximidade, mas também ao consumo de produtos locais.

Além de Famalicão, também cidades como Braga, Porto, Lisboa, Viana do Castelo e Sintra são apontadas como localidades onde foram introduzidas boas-práticas no combate à pandemia.

Primeiro foi a ONU, no início desta semana, a evidenciar Famalicão como um exemplo positivo nas medidas, optando por destacar o apoio à renda; agora este elogio sai reforçado com o destaque feito pela OCDE que olha mais para o apoio ao comércio.

Famalicão: Elogios da ONU à Câmara deixam PSD orgulhoso

A Comissão Política Concelhia do PSD mostra «orgulho e satisfação» pela distinção da ONU atribuída ao município de Famalicão pelas políticas sociais a favor dos infetados pela covid-19.

«Desde logo, significa que a Câmara Municipal, no meio de tantas incertezas, não faltou aos famalicenses, colocando-se na linha da frente do combate à pandemia, de forma inovadora, sem olhar a esforços e ultrapassando mesmo do ponto de vista legal, as suas competências, atribuições e responsabilidades», dizem os responsáveis da Comissão Política Concelhia do PSD.

Os sociais-democratas analisam que «há muito que Vila Nova de Famalicão se tornou numa referência nacional nas políticas sociais e económicas municipais, agora essa referência assume uma dimensão mundial e isso só pode ser motivo de orgulho e de satisfação para os famalicenses, os destinatários e os beneficiários das mesmas».

Nesta referência internacional, o PSD considera «que nenhum famalicense fica indiferente à circunstância de ver o seu município integrar uma lista de cidades como Barcelona, Londres, Nova Iorque, México ou Toronto, que desenvolvem politicas e soluções inovadoras para proteção equitativa e recuperação da covid-19 em configurações urbanas».

Famalicão: Surto covid-19 em empresa de Vilarinho regista já 20 casos positivos

O surto de covid-19 numa empresa de Vilarinho das Cambas já regista 20 infetados, todos funcionários, sendo que 95 por cento dos casos estão assintomáticos.

Segundo Cidade Hoje conseguiu apurar nenhum destes casos deu entrada no hospital de Famalicão.

Os familiares e contactos diretos destes funcionários estão de quarentena e, ao primeiro sintoma, terão de realizar o teste covid-19.

A empresa encontra-se encerrada para desinfeção dos espaços.

 

Covid-19: ONU dá Famalicão como exemplo em políticas inovadoras

Vila Nova de Famalicão, a par dos municípios de Braga, Lisboa, Porto e Sintra, é dado como exemplo em políticas públicas para fazer face à Covid-19.

No sumário de políticas publicado esta terça-feira pelas Nações Unidas, intitulado “Covid-19 num mundo urbano”, são apresentadas medidas a serem seguidas por cidades de todo o mundo, visando condições socioeconómicas, oferta de serviços públicos e resiliência para o futuro.

Vila Nova de Famalicão é o primeiro exemplo, pelo apoio ao pagamento das rendas. Recorde-se que a Câmara de Famalicão apresentou o Plano de Reação à Situação Epidémica e de Intervenção Social e Económica a 31 de março, incluindo no documento várias medidas de apoio, uma das quais a comparticipação municipal de rendas para os agregados familiares que tenham perda de rendimentos por força da pandemia.

Também nas medidas de apoio à habitação, Lisboa e Sintra entram na lista da ONU pelo “adiamento de pagamentos de renda”.

Já na categoria dos serviços e condições essenciais para a vida, Porto e Braga merecem menção da ONU por medidas de “isenção parcial em tarifas de água, saneamento e resíduos urbanos”.

Covid-19: Mais 7 mortes e 313 novos casos

Portugal regista, esta sexta-feira, mais 7 mortes e 313 novos casos de infeção por covid-19, na sua maioria – 253 – na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde, emitido esta tarde, desde o início da pandemia estão confirmados 49.692 casos de infeção e 1.712 mortes. Há 34.687 casos recuperados, mais 318 que esta quinta-feira.

PSP alerta para o cumprimento das regras da DGS

O Comando Distrital da PSP de Braga, relembrando as orientações da Direção Geral da Saúde (DGS), lembra que há situações nos estabelecimentos comerciais e na via pública que incorrem em contraordenação, com coimas associadas.

É o caso do distanciamento físico nos estabelecimentos abertos ao público, a não utilização de máscaras ou viseiras nos estabelecimentos comerciais e nos transportes públicos de passageiros, a realização de celebrações com aglomerados de pessoas, o incumprimento das regras de fornecimento e venda de bebidas alcoólicas.

Most Popular Topics

Editor Picks