Associações sociais ajudam famalicenses em situação de fragilidade

As associações públicas e privadas que fazem parte do Conselho Local de Ação Social do Município, reunidas na passada segunda-feira, decretaram algumas ações de apoio social a favor dos mais frágeis, como idosos, e economicamente mais desfavorecidos.

Assim, a Associação Dar as Mãos está a auxiliar financeiramente algumas famílias na aquisição de medicamentos, tendo por base a Farmácia Valongo, na cidade, que tem regras próprias para esta aquisição. Esta associação vai, ainda, servir refeições a agregados familiares com reconhecidas carências económicas.

Também a Associação Tudo pela Vida continua a dar apoio financeiro a famílias desfavorecidas, por indicação da Ação Social da Câmara e da Loja Social do Município.

A Humanitave, tal como Cidade Hoje já havia informado, está a fazer entrega de compras e medicamentos ao domicílio, incluindo também refeições que podem ser fornecidas por outras entidades que colaboram com esta ONG.

A declaração de Estado de Emergência vai enquadrar algumas destas ações, podendo criar novas regras de atuação.

Como sempre, a Cidade Hoje, através da rádio e das redes sociais, está a colaborar com a população famalicense, fornecendo informação que possa ser útil neste tempo de privação. Por isso, as associações que pretendam esclarecer o seu modo de funcionamento para com o público podem sempre recorrer à Cidade Hoje, através dos contactos normais.