Alunos dos 11.º e 12.º podem escolher exames nacionais que querem fazer

Os estudantes do 11.º e 12.º anos poderão escolher os exames nacionais que querem fazer de acordo com as disciplinas específicas pedidas pelas instituições do ensino superior a que se queiram candidatar. A garantia foi dada pelo ministro da Educação esta quinta-feira.

A medida, frisa Tiago Brandão Rodrigues, visa diminuir a pressão sobre o sistema educativo, numa altura de muitas contingências provocadas pela pandemia de covid-19.

Habitualmente, para concluir o ensino secundário, os alunos fazem dois exames nacionais no 11.º ano e outros tantos no 12.º ano, independentemente de não utilizarem todos para ingressar no ensino superior.

Com esta medida extraordinária, os alunos podem optar por fazer apenas os exames nacionais necessários para se candidatarem ao curso pretendido, de acordo com os requisitos de cada universidade e instituto politécnico.